54 Adegas Cooperativas - Fenadegas
54 Adegas
Produção de Vinho - Fenadegas
+131 milhões de litros
Área - Fenadegas
27.123 hectares
Nº de Vitivinicultores - Fenadegas
21.533 viticultores

Atualmente a FENADEGAS, representa 54 Adegas Cooperativas com mais de 20 mil viticultores tendo quase 30 mil hectares em produção no seu conjunto que produzem uma grande variedade de vinhos provenientes de um vasto número de regiões Vinícolas. Estes são produzidos tanto em quantidade assim como em qualidade, (+1500 prémios e distinções, desde 2014).

Todo este potencial advém da década de 40 do século passado, o movimento corporativo português deu um forte contributo para a organização da agricultura em Portugal e em especial no sector do vinho.

A FENADEGAS e os seus ASSOCIADOS adaptaram-se às características dos diversos períodos históricos e económicos, as cooperativas tiveram um dos grandes desafios na entrada de Portugal na CEE, momento em que a dinâmica de modernização, inovação, comercialização, qualidade, quantidade e o saber fazer passam a ser vetores obrigatórios na atuação junto dos novos mercados.

Hoje, num mercado mais global as Adegas Cooperativas enfrentam novos desafios ao nível da promoção e comercialização dos seus produtos. A Fenadegas, assume a missão de apoiar e projetar esse esforço das suas associadas.

Fundada em 1981, a FENADEGAS tem como missão principal a representação defesa das Adegas Cooperativas associadas, a promoção Nacional e Internacional, informação educativa, assistência técnica e jurídica, formação profissional, seguros e apoio na contratação coletiva de trabalho. Encontra-se integrada na CONFAGRI, Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal, CCRL.

Tendo como objetivo genérico a representação das suas associadas e defesa, a todos os níveis, do sector vitivinícola cooperativo.

São objetivos concretos da Fenadegas, representar as Associadas, negociar em nome de todas e prestar os serviços solicitados, nomeadamente:

  • Propor e, conjuntamente com os departamentos oficiais competentes participar na definição das linhas de uma política geral da vitivinicultura;
  • Propor normas, e participar na sua definição, regulamentadoras do plantio da vinha no que respeita aos interesses do sector vitivinícola cooperativo, bem como assegurar uma seleção regional de castas de forma a aumentar e garantir as qualidades dos vinhos;
  • Promover o progresso e aperfeiçoamento do sector, através de todos os meios e, nomeadamente, de cursos, palestras.;
  • Procurar informar e orientar as suas associadas sobre política de comércio interno e externo, promovendo Candidaturas específicas a Programas de Internacionalização dos Vinhos das Cooperativas;
  • Prestar assistência técnica e jurídica, através dos seus serviços a todas as suas associadas;
  • Promover a abordagem de temas de grande atualidade para as Adegas Cooperativas e para os Viticultores, para além de outras Entidades como sejam as Escolas Profissionais, como sejam Vinho e Saúde, Instalação de Jovens na Agricultura e Reestruturação da Vinha
  • Apoiar a comercialização dos vinhos das associadas tendo criado para o efeito, entre outros projetos, a assinatura “Grandes Viinhos Portugueses” que representa a diversidade abrangente das regiões Portuguesas e da multiplicidade de produtos.

O reflexo deste trabalho contínuo da FENADEGAS e das suas ASSOCIADAS, assente na modernização, inovação e produção de uma grande diversidade de Vinhos de alta qualidade. Traduz-se nas diversas distinções e prémios quer no mercado nacional e internacional, atribuídos todos os anos. E pela preferência dos consumidores, algo que é transposto, através dos elevados volumes de vendas. Podendo afirmar assim seguramente, FENADEGAS –  Grandes Vinhos Portugueses!

Fenadegas - Grandes Vinhos Portugueses