Escrita por: FENADEGAS em Abril 14, 2020 em Comunicados

FENADEGAS  REFORÇA PEDIDO DE MEDIDAS PARA APOIAR O SETOR VITIVINÌCOLA – 1 de Abril 2020

Dadas as circunstâncias que o país atravessa devido à pandemia do COVID -19, situação que infelizmente terá um período ainda prolongado, a FENADEGAS reforça a necessidade de tomar medidas que de algum modo poderão ajudar as Adegas Cooperativas a minimizar os elevados prejuízos que irão sofrer.

Assim propomos que sejam equacionados as seguintes medidas:

Deslocação para as vinhas/terrenos para agricultar com os impedimentos a pessoas com mais de 65 ou 70 anos, que no nosso caso será muito prejudicial, dada a idade média dos nossos associados.

A antecipação das ajudas para as explorações agrícolas e uma ajuda direta as empresas familiares agrícola.

Alargamento do prazo de candidatura das novas autorizações de plantação de vinha. Alteração dos prazos de execução das operações dos projetos do VITIS já aprovados.

Desburocratização e simplificação dos projetos PDR2020 e com também em relação à execução dos mesmos. Pagamento do já executado e dos pedidos de pagamento já apresentados. Prioridade de momento é pagar.

Facilitar a promoção dos produtos vitivinícolas devido ao encerramento do canal Eureca.

As questões de tesouraria é um aspeto muito importante, dada a grande quebra nas vendas.

Em termos de médio prazo, na nossa opinião, tudo dependerá da Colheita de 2020, mas mesmo sendo uma colheita normal, vai haver excedentes de stocks e obviamente com todos os problemas que daí advêm.

É um facto que não será a primeira vez com que nos defrontamos com situações de excedentes  pelo que:

  1. Dever-se-à propor ajudas à Armazenagem;
  2. Dever-se-á propor ajudas à destilação, ajudas essas que já existiram em anos anteriores para situações parecidas.
Deixe um comentário